18 de jan de 2012

Em virtude


Em minha virtude
Eu Sou, eu estou, eu respiro.
Eu sinto, eu vejo, eu venero
A vida que existe.

Em minha virtude 
Eu acredito, eu concebo, eu expando.
Eu destrincho, e abrando
O que não quero.

Em minha virtude 
Eu abraço
Pelo prazer, de envolver.

Em minha virtude 
Eu me dôo
Ao Amor.


Quān Yīn, The sublime Goddess of Mercy

Nenhum comentário: